Escrito por Sexta, 16 Junho 2017 Publicado em Notícias

Victoria University of Wellington, classificada entre as melhores do mundo pela consultoria internacional Quacquarelli Symonds (QS), vai selecionar 35 pesquisadores de todas as áreas do conhecimento;

Inscrições são feitas via internet e estão abertas até 01 de julho.

Pesquisadores brasileiros têm até 01 de julho para se candidatarem a uma das 35 bolsas de doutorado oferecidas pela Victoria University of Wellington, fundada em 1889 e classificada entre as melhores do mundo no índice QS World University Rankings. A instituição, que tem campus localizado em Wellington, capital neozelandesa, e também nas cidades de Auckland e Palmerston North, dará isenção de taxas acadêmicas e ajuda de custo no valor de $23.500,00 dólares neozelandeses, anualmente, para 35 candidatos, que podem ser da Nova Zelândia ou de outros países.

Os interessados nas bolsas de estudo devem demonstrar excelência acadêmica e possuir diploma de graduação ou mestrado. Para aqueles que não têm o inglês como língua nativa, a universidade exige comprovação de proficiência no idioma, com pontuação satisfatória em exames internacionais como TOEFL e IELTS.

Para conferir todos os requisitos e se candidatar a uma bolsa de estudo, acesse: http://www.victoria.ac.nz/fgr/prospective-phds/how-to-apply

Escrito por Sexta, 16 Junho 2017 Publicado em Jornal A Praça

Por unanimidade, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu na quinta-feira, 8, que é constitucional a aplicação de cotas raciais em concursos públicos. O entendimento da Corte valida uma lei de 2014 que obriga os órgãos públicos federais a reservarem 20% de suas vagas para negros. A regra é válida para os poderes Executivo, Legislativo e Judiciário no âmbito federal. O relator do caso, ministro Luís Roberto Barroso, ressaltou que o entendimento pode ser seguido por órgãos municipais e estaduais, apesar de não ser obrigatório nestas esferas.

 

Escrito por Sábado, 10 Junho 2017 Publicado em Jornal A Praça

O Projeto de Lei do Senado (PLS) 545/2015 prevê desconto de 50% no valor da inscrição de concursos públicos federais para quem doa sangue. Se aprovado, o projeto irá alterar o texto da Lei nº 1.075/1950, que dispõe sobre a doação voluntária de sangue. Atualmente, a proposta encontra-se na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), que apresentou voto favorável, com uma emenda especificando que o desconto será dado a quem comprovar ter feito pelo menos três doações de sangue nos últimos 18 meses antes da publicação do edital do concurso. Qual a sua opinião sobre o projeto? Vote: http://bit.ly/PLC545-2015

 

Escrito por Sábado, 10 Junho 2017 Publicado em Jornal A Praça

Em tempos de fake news, cresce o número de iniciativas promovidas por veículos e entidades jornalísticas para atestar a veracidade de informações que circulam na internet. A atenção agora são os lançamentos de um curso e um concurso de fact-checking, ambos apoiados por importantes entidades internacionais, além de novas ferramentas disponíveis nessa disputa contra os boatos digitais.

 

Escrito por Sexta, 09 Junho 2017 Publicado em Notícias

Passamos por um período em que os números relacionados às demissões são assustadores, e muitos trabalhadores já ficam muito nervosos, pensando que pode ser o próximo a fazer parte dessa estatística que só cresce. Contudo, mesmo que ocorra a demissão o trabalhador possui uma série de direitos que permitem um fôlego inicial para retomar a busca por uma melhor colocação profissional. “Esses são direitos trabalhistas garantidos pela constituição, contudo, existem os casos das demissões por Justa Causa, nas quais os trabalhadores perdem parte dos direitos citados abaixo quando ocorre alguma conduta considerada inaceitável pelo empregador, desde que seja comprovado que ela ocorreu”, conta Gilberto Bento Jr., sócio da Bento Jr. Advogados.

Contudo, fora as exceções, quais os direitos trabalhistas garantidos aos trabalhadores em caso de demissão? Gilberto Bento Jr., detalhou esses:

Quando o empregador deve pagar o valor da rescisão: Quando o aviso prévio for indenizado, deve pagar até 10 (dez) dias após a dispensa, e quando o aviso prévio for trabalhado, tem que pagar no 1º (primeiro) dia útil após a dispensa.

Saldo de salário: deve ser pago na proporção aos dias trabalhados no mês da demissão. Isto é, o salário mensal, dividido por 30 e multiplicado pelo número de dias trabalhados. Com ou sem justa causa.

Escrito por Sexta, 09 Junho 2017 Publicado em Notícias

Estudo da Escola Nacional de Seguros aponta que perdas da capacidade produtiva equivalem a 4,86% do PIB – as maiores do Nordeste

A violência no trânsito cearense provocou um impacto econômico de R$ 6,45 bilhões no ano passado, ou 4,86% do Produto Interno Bruto (PIB). Essa é a perda da capacidade produtiva causada por acidentes que mataram 1752 pessoas e deixaram outras 4094 com invalidez permanente. O valor corresponde ao que seria gerado pelo trabalho das vítimas caso não tivessem se acidentado. O cálculo é do professor Claudio Contador, diretor do Centro de Pesquisa e Economia do Seguro (CPES), da Escola Nacional de Seguros.

Entre 2015 e 2016, houve redução de 46% na perda do PIB do estado. Ceará  registra o maior percentual de perda do Nordeste, que tem média de  2,77% e perdas de R$  23,98 bilhões.   O fator que mede a perda da capacidade produtiva é chamado de Valor Estatístico da Vida (VEV), ou seja, o quanto cada brasileiro deixa de produzir anualmente em caso de morte ou invalidez. Segundo Claudio Contador, a redução do número de vítimas de acidentes graves está ligada a dois fatores básicos: o aumento da fiscalização (Lei Seca) em alguns estados e a crise econômica, que reduziu as vendas de automóveis e tirou muitos veículos de circulação no país. “A violência no trânsito caiu de forma considerável, o que é um fato alentador. Ainda assim, o número de vítimas remete a um quadro de guerra. E a grande maioria concentra-se na faixa etária de 18 a 64 anos. Ou seja, pertence a um grupo em plena produção de riquezas para a sociedade”, analisa Claudio Contador.

 

No Brasil

Calendário

« Outubro 2017 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
            1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 31          

Sobre o Autor

  • José Roberto Duarte, iguatuense, professor do ensino básico, formado em Letras pela Universidade Estadual do…

Parceiros